Quinta, 27 de Janeiro de 2022
(84) 98102-5622
Esportes Copa do Brasil

Atlético-MG vence novamente e é bicampeão da Copa do Brasil

Keno e Savarino marcaram os gols do time no triunfo por 2 a 1 sobre o Athletico-PR em Curitiba

15/12/2021 23h39
Por: Paulinho porto Fonte: CNN Brasil
Jogadores do Atlético-MG comemoram gol no segundo jogo da final contra o Athletico-PR
Jogadores do Atlético-MG comemoram gol no segundo jogo da final contra o Athletico-PR

O Atlético-MG é bicampeão da Copa do Brasil. Nesta quarta-feira (16), o time mineiro confirmou o favoritismo e sacramentou a conquista ao vencer o Athletico-PR no jogo de volta da decisão por 2 a 1, com gols de Keno e Hulk, na Arena da Baixada. No duelo de ida, no domingo (12), no Mineirão, havia encaminhado o título ao golear o oponente por 4 a 0.

A conquista encerra uma temporada praticamente perfeita do Atlético-MG. O clube, afinal, já havia vencido o Campeonato Brasileiro, encerrando um jejum de 50 anos na competição, além de ter sido campeão estadual. E só não teve êxito total em 2021, pois foi eliminado nas semifinais da Copa Libertadores, ainda que sem perder nenhuma vez na competição.

O desempenho faz a atual equipe do Atlético-MG ser comparada a alguns dos maiores esquadrões da história do clube, como o time campeão da Copa Libertadores de 2013. “O time de 2013 era uma equipe mais sanguínea, com mais intensidade de jogo, que marcava mais o adversário e sufocava. Já o de 2021 é uma equipe que constrói mais jogadas, muito organizada, que sofre pouco defensivamente e é muito competente no ataque”, comparou o ex-goleiro Victor, herói daquela conquista e hoje membro da comissão técnica, em entrevista à CNN Brasil.

Não é para menos. Afinal, as derrotas foram raras na temporada atleticana. O time entrou em campo 75 vezes, com 52 vitórias, 14 empates e 9 reveses. Um desempenho que fez o clube alcançar um feito raro no futebol nacional: vencer duas competições nacionais no mesmo ano. Antes, apenas o Palmeiras em 1967, quando venceu a Taça Brasil e o Robertão, e o Cruzeiro, em 2003, quando também faturou a Copa do Brasil e o Brasileirão, tiveram esse desempenho.

“Em 2013 tinha o elenco a ser batido, um dos melhores do país. Agora em 2021 a história se repete. Teve 1971 (time campeão brasileiro) e assim vai. O Atlético está no caminho certo, traçando um planejamento muito bom, então acredito que ao longo dos anos terão outros Atléticos semelhante a este de 2021”, afirmou o zagueiro Réver, em entrevista coletiva.

Conquistar três títulos em uma única temporada também é feito raro. O último clube a alcançar esse desempenho no cenário nacional foi o Cruzeiro de 2003, também campeão mineiro naquele ano. Mas tem sido mais recorrente em anos recentes, quando se contabiliza torneios continentais – são os casos do Palmeiras de 2020 e do Flamengo em 2019 e 2020.

Na Copa do Brasil, o Atlético-MG já havia sido campeão em 2014. Repetiu a conquista agora com uma campanha de nove vitórias e uma derrota em dez jogos. Estreando na terceira fase, eliminou o Remo. Nas fases seguintes, passou por Bahia, Fluminense e Fortaleza, chegando à decisão. No jogo de ida, aplicou a maior goleada da história da decisão. E agora foi campeão com mais uma vitória.

Assim como na conquista do Brasileirão, o Atlético-MG também teve o artilheiro da Copa do Brasil: Hulk. O atacante marcou 8 gols em 10 jogos no torneio mata-mata. Ele também foi o jogador com mais gols no futebol nacional na temporada – foram 36 em 68 partidas.

E os heróis do jogo da conquista foram os mesmos de 13 dias atrás. Se na Fonte Nova, quando venceu o Bahia por 3 a 2 para ser campeão brasileiro, Hulk fez um gol e Keno marcou outros dois, ambos também foram às redes na Arena da Baixada. Dessa vez, Keno abriu o caminho para o novo título com o seu gol no primeiro tempo. E Hulk sacramentou a vitória e o título na etapa final.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Esporte local
Sobre Esporte local
Tudo sobre o esporte local em um só lugar!
Pendências - RN
Atualizado às 17h59 - Fonte: Climatempo
28°
Pancada de chuva

Mín. 23° Máx. 32°

32° Sensação
27.3 km/h Vento
76.4% Umidade do ar
90% (12mm) Chance de chuva
Amanhã (28/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 31°

Sol com muitas nuvens e chuva
Sábado (29/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 33°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.