Domingo, 28 de Novembro de 2021
(84) 98102-5622
Cultura ARRELIA

ARRELIA

O palhaço ARRELIA tornou-se um mito das crianças paulistanas. As matinês do circo e posteriormente o CIRCO DO ARRELIA da TV Record, que esteve no ar de 1955 até 1966, que fizeram arte do cotidiano da família paulistana. E Arrelia deixou como uma de suas marcas registradas nessa cidade o popular bordão: “Como vai, como vai, como vai, vai, vai. Eu vou bem, muito bem... Muito bem... Bem... Bem...”

22/11/2021 15h47
Por: Paulinho porto
ARRELIA - Desenho de Alvaro Neto
ARRELIA - Desenho de Alvaro Neto

 

Waldemar Seyssel, o famoso palhaço Arrelia, nascido de uma família que se confunde com a história do CIRCO NO BRASIL. Sua carreira começou a atuar com seis meses de idade no Circo Chileno de seu tio, irmão de sua mãe.

A família do palhaço Arrelia começou a se dedicar ao circo a partir do avô paterno – Julio Seyssel – que nasceu e morava na França. Foi professor da Sorbonne, quando conheceu uma jovem espanhola, artista de um circo que excursionava pelo país. Esta jovem fazia acrobacias em cima de um cavalo em movimento e, ela sua beleza e elegância, Julio Seyssel apaixonou-se por ela.

A família do professor Julio não aprovava este casamento, então os dois jovens resolveram se casar mesmo assim. Então Julio deixou o cargo de professor e foi morar no circo. Tornou-se apresentador (Mestre de Cerimônia) de números circenses. Bem mais tarde o casal acabou mudando-se para o Brasil com a excursão do Grande Circo Inglês dos irmãos Charles e ao invés de prosseguir com a excursão para outros países como estava marcado no cronograma do circo, o casal ficou no Brasil, onde deram origem a uma linhagem circense com seus filhos e netos. Todos dedicados à arte circense.

Arrelia tem mais cinco irmãos que saíram desta dinastia circense, como o palhaço Pimentinha, (Walter Seyssel), que é filho de Paulo Seyssel, o palhaço Aleluia, irmão de Arrelia.

Depois de longos anos de trabalho sob a lona dos circos, o velho Arrelia resolveu trocar o picadeiro pela televisão. Foi o primeiro da sua família a abandonar o circo afirmando que o circo não gerava dinheiro suficiente para que ele sobrevivesse. Em 1958, foi a vez de seus irmãos entrarem na TV e foram trabalhar com ele na TV Record.

Waldemar Seyssel começou em circo desde muito pequeno, saltando, passando depois para o trapézio, depois pela cama elástica e em outras acrobacias com seus dois irmãos, Henrique e Paulo. Mas quando o pai cansado deixou o circo, substituiu o nome do circo do pai para o seu nome artístico, usando o apelido de família que seu tio Henrique lhe dera; ARRELIA. Seu primeiro parceiro foi o ator Feliz Batista, que fazia um palhaço de cara branca, vindo depois o irmão Henrique, e finalmente, quando deixou o circo, em 1953, pela televisão. Depois o outro parceiro que foi com Arrelia para a televisão, foi o palhaço Pimentinha, que era seu sobrinho.

                                                                                                       Por LOWRY LANDI

 

 

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Pendências - RN
Atualizado às 01h55 - Fonte: Climatempo
26°
Poucas nuvens

Mín. 24° Máx. 37°

27° Sensação
30.1 km/h Vento
75.2% Umidade do ar
90% (3mm) Chance de chuva
Amanhã (29/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 36°

Sol e Chuva
Terça (30/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 37°

Sol com algumas nuvens